“Cidadania participativa e ações sustentáveis"


Há muito se pergunta o porquê de a população em muitos lugares do mundo ser privada do uso pleno da água.
São vários os motivos, mas o principal é o interesse financeiro em se cobrar pelo uso do que é público. A água como o ar são necessidades vitais para a humanidade.
Em Ribeirão Preto, fortes rumores que o DAERP (nossa empresa pública de tratamento e distribuição de água) está sendo sucateada para posterior venda.
Grandes multinacionais dos setores de bebidas disputam o precioso mineral.
A pulga começa então a pular de orelha para orelha e vemos que muito próximo a Ribeirão Preto, onde o aquífero Guarani tem sua afloração, uma multinacional, poderosa "fornecedora" de alimentos para humanos e animais domésticos, derrama um "secreto" tentáculo.
Onde se pede para construir um "canil" para pesquisas, se constrói uma obra de mais de 40.000m², próxima à Gruta do Itambé, área de preservação, "devidamente autorizada" pela CETESB.
A matéria do link já é antiga. No youtube se encontra vídeo denunciando a obra, inclusive com uso de máquinas da prefeitura local, esta envolvida em enormes escândalos, inclusive denunciada no CQC, da rede Band de Televisão.
O que acontece lá é um caso isolado ? Multinacionais trilhardárias agem sem planejamento ? Foi um acaso construírem essa mega obra no meio do mato, na afloração do aquífero ?http://g1.globo.com/sp/ribeirao-preto-franca/noticia/2012/03/promotoria-investiga-ameaca-ao-aquifero-guarani-em-altinopolis-sp.html
[ Ler Mais ]

Eu voto distrital