“Cidadania participativa e ações sustentáveis"

Hoje recebi com satisfação a indagação de uma eleitora de Ribeirão Preto, sobre as propostas do PV para assumir a prefeitura de Ribeirão Preto.
O que mais me chamou a atenção é que as pessoas estão realmente procurando em quem votar, e ao que tudo indica , mais do que nunca a transparência, o diálogo direto e a naturalidade da relação eleitor candidato será posta à prova.
A internet facilita a busca do eleitor, que procurar certamente achará.
Ao elaborar uma resumida resposta, vi que ficou um pouco grande para lá, mas boa para o blog, então aqui vai :

Andre Rodini Bom dia Regina, obrigado por pesquisar a meu respeito. Se me permite gostaria de complementar algumas coisas. Em algum lugar saiu que sou Advogado, mas na verdade não sou. Sou bacharel em Direito (Unaerp), com pós graduação em Gestão Estratégica de Negócios (Unifran). A minha vida pública se limita a ter disputado as duas eleições como você mencionou, entretanto em não tendo sido eleito, nunca tive cargo público, nem concursado, nem comissionado e ainda não eleito. Daí a minha ligação com o Agronegócio, bem especificamente com genética bovina, muito embora fui presidente da ASCORRP, Associação de Criadores de Ovinos da Região de Ribeirão Preto. Minha profissão me permite conhecer vários países, sendo eu responsável por contactar clientes no exterior, e assim assimilo o que tem de bom fora e que possa ser aplicado aqui para a melhoria da nossa cidade.
Como pré-candiato, e deixando muito claro que o que vou escrever abaixo tem apenas o intuito de esclarecer as dúvidas que você mencionou acima, e que NÃO SE TRATA DE PROMESSA DE CAMPANHA, mas de esclarecimento, posso lhe dizer que :
Teríamos o projeto de criar a creche noturna, onde já existe a creche diurna, contratando o terceiro turno de funcionários, e beneficiando assim as mães e pais que trabalham a noite.
As escolas municipais deveriam ter concurso para Diretores e buscaríamos a todo custo empenhar o segundo maior orçamento do município na construção do aluno cidadão, tendo a escola metas claras a serem cumpridas por diretores, professores e funcionários.
Abriríamos concursos para funcionários de serviços básicos, como pedreiros, encanadores, marceneiros, jardineiros, calceteiros, de forma que a cidade não tenha que ser destruída esperando uma grande empresa oferecer contratos de reformas gerais, muito onerosos aos cofres públicos, e ineficientes do ponto de vista de manutenção.
Trocaríamos o sistema do Hygia na gestão da saúde pública por um mais moderno que considere o cadastro único do paciente e gere informação real sobre os atendimentos.
Contrataríamos e valorizaríamos a Assistente Social, que com trabalho direcionado pode-se esperar a redução em muito das filas nos postos de saúde, a Saúde ter que ser vista a partir da casa do munícipe em primeiro lugar, fomentando também o trabalho do Médico de Família, com visitas locais.
O sistema de tapa buracos da cidade substituiria a manta asfáltica que custa aproximadamente R$1.000,00 por metro cúbico, por Concreto Usinado a partir de entulho de construção civil, ao preço de R$60,00, economizando uma fábula de dinheiro e dando destino às montanhas de entulho que se acumulam na periferia da cidade.
Criaríamos as hortas comunitárias por licitação de terrenos públicos, em contrapartida ao pagamento em legumes e verduras para a merenda escolar. As hortas manteriam os terrenos limpos e barateariam os alimentos produzidos na própria cidade, ao invés de comprá-los de outros municípios, além de gerar emprego e renda localmente.
Faz-se urgente o investimento no mapeamento do subterrâneo da cidade, relativo a distribuição de água e recolhimento de esgotos, que num eventual governo do PV teriam os bairros afastados ao invés de emissários de esgoto, pequenas estações de tratamento local.
O PV acredita que o Aeroporto Internacional de Ribeirão Preto, deva ser construído em outra área que não a do Leite Lopes, não só pelos enormes problemas sociais que ali existem, mas pelo tamanho da área que um empreendimento desse porte possa gerar, com hotéis, centros de convenção, área de cargas, passageiros e abastecimento. Além caro, do alto custo com indenizações, Entendemos haver áreas com cana de donos únicos, mais fáceis e logisticamente melhores de receber o empreendimento.
O Partido Verde acredita nas soluções locais para problemas locais, e assim, entre tantos assuntos a serem abordados, espero ter pelo menos parcialmente sano as suas dúvidas ainda que consideremos as possibilidades de outros candidatos dentro do PV disputarem a convenção, para o cargo de Prefeito.

[ Ler Mais ]

Eu voto distrital