“Cidadania participativa e ações sustentáveis"

I strongly deny it

Their excellencies most common phrase when they are accused of corruption is"I strongly deny it".
Several congressmen were just faced to the crude truth that they had taken bribery money from the biggest building company in Brazil, Odebrecht.
Their elections and reelections maintained fluxes of money from the Brazilian Treasure to the company and from the company to Senators and Deputies, among other politicians and other public servants, who kept the Company's interests.
Almost no Congressmen complained to the illegal act to loan obscure money to Cuba, Angola, Venezuela, Bolivia and other red countries, from BNDES (a State Bank that foments local business).
President Michel Temer in person is also accused of asking the CEOs something like R$10 million at least once.
The corruption took many former good men into the limbo, but they, of course "strongly deny it".

A frase mais comum de Suas Excelências quando acusadas de corrupção é "Eu veementemente nego". Muitos congressistas acabam de encarar a verdade crua de que eles pegaram dinheiro de corrupção da maior empreiteira no Brasil, Odebrecht.
Suas eleições e reeleições mantinham fluxos de dinheiro do Tesouro para a companhia e da mesma para Senadores e Deputados, entre outros políticos e servidores públicos para garantirem seus interesses.
Praticamente nenhum Deputado ou Senador reclamou o ato ilegal que necessitava de aprovação do Congresso para ser "emprestado" a Cuba, Angola, Venezuela, Bolívia e outros países obscuros, a partir do BNDES (Banco Estatal para fomentar negócios locais).
Presidente Michel Temer em pessoa é acusado de pedir ao Diretor da Odebrecht algo como R$10 milhões, pelo menos uma vez.
A corrupção levou muitos ex-bons homens para o limbo, mas eles "veementemente negam".





Eu voto distrital